Drama // de Victor Hugo Pontes

Hits: 124
  • Data
    21 de novembro . sábado . 21h30
  • Duração
    90min
  • Público alvo
    M/12 anos
  • Preço
    7,5€
  • Observações
    (descontos aplicáveis)

Drama, uma criação de Victor Hugo Pontes, parte de Seis Personagens à Procura de Um Autor (1921), tal como A Gaivota de Tchékhov foi o ponto de partida para Se Alguma Vez Precisares da Minha Vida, Vem e Toma-a. Victor Hugo Pontes dá assim continuidade à sua pesquisa em torno das fronteiras que separam (ou não) o teatro e a dança, a palavra e o movimento. Drama recria cena a cena a peça seminal de Pirandello, levando mais longe as questões acerca do próprio ato criativo: Até que ponto é possível coreografar um clássico da dramaturgia? Que tipo de objeto resulta? Que interpretações são suscitadas? Tal como acontece em Pirandello, Drama, ao ampliar o jogo metateatral da peça recriada e ao romper com convenções da composição coreográfica, cria uma linguagem artística simultaneamente peculiar e desafiadora, quer para o coreógrafo e os intérpretes, quer para o público.

Bio:
Victor Hugo Pontes nasceu em Guimarães, em 1978. É licenciado em Artes Plásticas – Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Em 2001, frequentou a Norwich School of Art & Design, Inglaterra. Concluiu os cursos profissionais de Teatro do Balleteatro Escola Profissional e do Teatro Universitário do Porto, bem como o curso de Pesquisa e Criação Coreográfica do Forum Dança. Como criador, a sua carreira começa a despontar a partir de 2003 com o trabalho Puzzle. Desde então, vem consolidando a sua marca coreográfica, tendo apresentado o seu trabalho por todo o país, assim como em Espanha, França, Itália, Alemanha, Rússia, Áustria, Brasil, Países Baixos, entre outros. É, desde 2009, o Diretor Artístico da Nome Próprio – Associação Cultural.


Direção e Coreografia Victor Hugo Pontes
Interpretação Ángela Diaz Quintela, Daniela Cruz, Dinis Duarte, Félix Lozano, Mercedes Quijada, Pedro Frias, Valter Fernandes, Vera Santos e participantes da comunidade local
Cenografia F. Ribeiro.
Desenho de Luz e Direção Técnica Wilma Moutinho.
Música Original Rui Lima e Sérgio Martins.
Pianista Joana Gama.
Figurinos Cristina Cunha e Victor Hugo Pontes.
Assistente de Direção João Santiago.
Apoio Dramatúrgico Madalena Alfaia.
Confeção de Figurinos Emília Pontes, Domingos Freitas Pereira e Mário Ribeiro.
Direção de Produção Joana Ventura.
Produção Executiva Mariana Lourenço.
Apoio residência artística Circolando e Teatro Nacional São João
Coprodução Nome Próprio, Centro Cultural Vila Flor, São Luiz Teatro Municipal e Teatro Municipal do Porto / Festival DDD – Dias da Dança.
A Nome Próprio é uma estrutura residente no Teatro Campo Alegre, no âmbito do programa Teatro em Campo Aberto e tem o apoio da República Portuguesa - Ministério da Cultura / Direcção-Geral das Artes.

Redes Sociais
Tagged under: Dança

Related Articles